Sexta-feira, 5 de Junho de 2009
Dia Mundial do Ambiente

Hoje, dia 5 de Junho, comemora-se o dia mundial do ambiente. É neste dia que todos nós tomamos consciência dos graves problemas ambientais do mundo. Cada vez mais os nossos pequenos gestos em prol do ambiente são fundamentais.

Temos o dever de conservar o mundo e de o tornar mais sustentavel, de forma a que não ponhamos em causa o futuro das próximas gerações.

 

 



publicado por ambienteap12ch1 às 12:01
link do post | Comenta! | ver comentários (2) | favorito
|

Terça-feira, 2 de Junho de 2009
AP- Balanço Final e Despedida

Após a conclusão da apresentação, é com orgulho que anunciamos o fim do projecto "Ambiente para o Futuro". Foi um trabalho que nos proporcionou novos conhecimentos acerca da realidade ambiental da cidade de Peniche. Neste projecto realizámos entrevistas à população e às entidades privadas e públicas, com a finalidade de podermos confrontar os vários pontos de vista sobre esta problemática.

A nossa apresentação teve como objectivo mostrar, neste caso, à comunidade local, a situação em que se encontra a realidade ambiental no concelho.

Sabemos que a cidade ainda carece de algumas melhorias, contudo, verifica-se uma vontade em atenuar os problemas existentes.

Deixamos, deste modo, uma palavra de apreço a todos os que nos acompanharam ao longo de todo o projecto, e àqueles que têm a esperança de vir a conhecer a plenitude ambiental na cidade que tanto amam.

 


tags:

publicado por ambienteap12ch1 às 09:06
link do post | Comenta! | favorito
|

Sábado, 30 de Maio de 2009
Conclusões após apresentação

Peniche surge como modelo de optimismo, projecto e síntese. Cidade de terra e mar, de sonhos, apresenta-se agora como futurista projectando-se um novo sentido e uma nova política.

 

De mãos dadas, Peniche e o ambiente, o ambiente para o futuro, permitirão trazer novos mundos ao mundo ao devolver tranquilidade e harmonia que o homem e a sua visão primária há muito lhe retiraram.

 

Finalizado o projecto “Ambiente para o futuro”, realizado pelo EcoGrupo da Escola Secundária de Peniche, chegou a hora de concluir e sintetizar todo o trabalho desenvolvido. A apresentação final decorreu ontem no auditório da escola já referida e contou com a presença de cerca de 50 pessoas. O EcoGrupo lançou-me o desafio de comentar a apresentação final uma vez que considerou que a veracidade desta conclusão seria indiscutível se fosse um dos espectadores, exterior á equipa de investigação, a dar o seu parecer.

 

Nessa condição, enquanto aluno do Instituto Superior de Economia e Gestão, com uma visão direccionada para a gestão da actividade económica e para os problemas de sustentabilidade que a relação entre a economia e o ambiente representam, enquanto cidadão de Peniche, atento aos desenvolvimentos desta nobre cidade, enquanto antigo aluno da escola secundária de Peniche e enquanto espectador da apresentação final do projecto quero frisar o sucesso indiscutível do trabalho desenvolvido

 

Os novos projectos, a discussão dos grandes investimentos públicos, a identificação dos problemas da organização ambiental, as entrevistas à população, os esclarecimentos da câmara municipal, a intervenção dos alunos e a participação das fábricas, foi, sem dúvida, contributivo para o esclarecimento, clareza e síntese que o projecto oferece a quem o consultar. Posso afirmar que se trata de um ponto de situação da actualidade da cidade de Peniche fazendo-se um balanço final da actuação do actual mandato do presidente da câmara uma vez que, como é do conhecimento de todos os cidadãos, as eleições municipais aproximam-se!

 

Aproveito para felicitar todos os elementos do EcoGrupo dada a sua boa preparação oral para apresentação do seu projecto. Mostraram estar a altura do grande trabalho que realizaram provando, assim, que é possível aos jovens de Peniche despertar a cidade para a reflexão, conjugando as responsabilidades e os actos imorais, reagindo como uma função matemática em que as externalidades positivas anulam as negativas.

 

Resta-nos, então, acreditar que a nossa indústria e os nossos poderes políticos se fundam em princípios eticamente sustentáveis. Será assim tão difícil a responsabilidade pública unir-se à privada, ou teremos de continuar de costas voltadas, em mundos diferentes dentro do mesmo mundo?

 

Agradou-me a presença do senhor vice-presidente da câmara municipal de Peniche e a sua intervenção na conclusão da exposição do projecto. É importante os políticos da nossa cidade unirem-se aos estudantes, partilhando e incentivando, serão eles o futuro de Peniche.

 

Para concluir deixo um apelo a todos os Penichenses. Cumpram com as vossas obrigações enquanto cidadãos. Se cada um fizer a sua parte chegaremos a novos rumos.

 

Rúben Jesus

 
 


publicado por ambienteap12ch1 às 14:24
link do post | Comenta! | favorito
|

Quarta-feira, 13 de Maio de 2009
Apresentação Final

Irá decorrer no próximo dia 29 de Maio no auditário da Escola Secundária de Peniche, às 15:00 Horas, a apresentação final do projecto que temos vindo a desenvolver ao longo do ano. Desde já estão todos convidados a comparecer.

 

 



publicado por ambienteap12ch1 às 18:47
link do post | Comenta! | favorito
|

Quinta-feira, 30 de Abril de 2009
Requalificação do Fosso da Muralha: Propostas de Empresas

Decorreu no passado dia 28 de Abril, no auditório do edifício cultural da Câmara Municipal de Peniche, a abertura oficial das propostas apresentadas por seis empresas candidatas à realização das obras de requalificação do Fosso da Muralha.

O evento começou com vários agradecimentos por parte do presidente da CM Peniche, António José Correia, a alguns elementos que assistiam, entre os quais os representantes das empresas, os órgãos de Comunicação Social local, os representantes do Instituto Portuário dos Transportes Marítimos (IPTM) que colaboram juntamente com a CMP neste projecto e o Ecogrupo.

Após os agradecimentos, o autarca considerou o momento como sendo "histórico" para a cidade, passando posteriormente a palavra ao Vice-presidente Jorge Amador, que apresentou os elementos constituintes da comissão de abertura, elementos esse que vão avaliar as diversas propostas. Esta comissão é composta pelo Vice-presidente Jorge Amador que preside, Jorge Abrantes, engenheiro José Pires, Margarida Gonçalves, Salomé Vala e Luísa Barone.

Posto isto, foram então referidas as empresas presentes: OFM (Obras Públicas, Ferroviárias e Marítimas S.A.), OECOS, Intermar S.A., CPTP (Companhia Portuguesa de Trabalhos Portuários) e Tecnovia e Tecnovia Açores.

Ficamos a aguardar pela decisão.



publicado por ambienteap12ch1 às 10:15
link do post | Comenta! | favorito
|

Sexta-feira, 24 de Abril de 2009
25 de Abril, Uma Revolução

A 25 de Abril de 1974, deu-se a mais importante revolução de Portugal: a revolução dos "cravos". Foi com esta revolução que os portugueses puseram um ponto final à ditadura, à repressão, ao medo e tristeza que invadia o país, e finalmente conquistaram a liberdade.

Esta revolução foi um golpe militar que derrubou, numa operação relâmpago e antecipada de secretismo, o governo de Marcelo Caetano, que cedeu perante a revolta das Forças Armadas. Estas foram responsáveis pelo fim da 1ªRépública e pela instauração da ditadura militar. 48 anos depois, puseram termo a este regime, pois não encontravam argumentos que justificasse a guerra colonial.

O golpe foi conduzido por oficiais, que, na maior parte, serviram a nação na guerra colonial.

A revolução ficou conhecida por ser pacifica, e é caracterizada como "revolução dos cravos" porque após o desencadeamento da operação "Fim de Regime" e da rendição de Marcelo Caetano houve distribuição espontânea de cravos vermelhos à população e militares.

O forte da nossa cidade foi um marco histórico ao longo da história de Portugal, e teve grande relevo na época do Estado Novo, pois serviu de prisão política a todos aqueles que eram considerados uma ameaça para o regime. Todos os grandes homens que foram presos, independentemente do seu partido político, devem de ser relembrados pela sua bravura em querer um Portugal mais livre.

Actualmente o país é democrático. Contudo, não achamos que seja livre na sua plenitude. É evidente os "jogos de interesse". Todos os dias os media informam-nos de situações que não se adequam àquele país que desejaríamos: justo e isento de corrupção. Parece ser utópico mas cabe a nós mudarmos esta situação, e se tal continuar a ocorrer esperamos que a justiça seja mais eficiente. A riqueza fácil muitas das vezes é sinónimo de corrupção .

VIVA A LIBERDADE.

Agradecemos a Humberto Delgado e a Salgueiro Maia pelas suas iniciativas, e a todos aqueles (são muitos) que de alguma maneira contribuíram para um país livre. 

 



publicado por ambienteap12ch1 às 22:47
link do post | Comenta! | ver comentários (1) | favorito
|

Toda a informação aqui publicada não está autorizada a ser retirada e posteriormente utilizada noutros contextos.
mais sobre mim
O que procuras?
 
Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Novidades!

Dia Mundial do Ambiente

AP- Balanço Final e Despe...

Conclusões após apresenta...

Apresentação Final

Requalificação do Fosso d...

25 de Abril, Uma Revoluçã...

Publicidade ao nosso blog...

3º Período

Boa Páscoa!!!

Galp Share...

Requalificação do Fosso d...

Fotos da Fábrica Narciso ...

Entrevista ao senhor João...

Entrevista ao Vice-presid...

Central Nuclear em Ferrel

Dar Voz à Cidade...

Dinâmica da ETAR e das Em...

Uma nova etapa

Orçamento da Câmara Munic...

Feliz Natal

Arquivos

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

todas as tags

links